Na madrugada desta quarta-feira (14/12) dois caixas eletrônicos da agência do Banco do Brasil em Poxoréu foram arrombados em uma explosão por bandidos, que após o assalto fugiu em direção à Rondonópolis, durante a fuga os bandidos seguiram em direção a cidade de Jaciara, a Polícia Militar (PM), efetuou um cerco e ainda na zona rural, houve troca de tiros e a PM conseguiu capturar parte da quadrilha, sendo que dois dos assaltantes foram baleados e se encontram no Hospital Regional.

Gerente da agência confere junto com a PM material apreendido - Foto: Alexandra Araújo - Dia Dia News

Com os assaltantes presos a PM conseguiu recuperar pouco mais de R$ 125 mil, quatro veículos, duas armas, vários cartões de crédito e pertences do bando. De acordo com a polícia, três integrantes da quadrilha já têm passagens por roubo (Art. 157) e um deles, por homicídio (art. 121).

O delegado Henrique Freitas Meneguelo informou a reportagem do AGORA MT que a dinamite utilizada na ação destruiu completamente a agência.

O comandante regional da PM, coronel Valdivino Tavares Pimentel, acredita que oito pessoas estejam envolvidas no assalto e no momento a PM continua a fazer buscas na zona rural de Jaciara, onde houve o confronto e possivelmente mais três assaltantes possam estar escondidos.

A ação contou com a participação de uma mulher, Jaqueline Pereira Correa (24), que não tem passagem pela polícia, ao contrário do seu esposo, Aurides da Costa Souza (21), que já está preso com a Polícia Civil, de Josias Conceição da Silva (22) e Magno Magaiver Batista (25), que foram baleados, um quinto assaltante que está preso ainda não foi identificado.

Atualização

Coronel Valdivino com dois suspeitos de participarem no assalto. Foto: Varlei Cordova/AGORA MT

Em coletiva o coronel Valdivino informou que mais três pessoas foram presas, contudo  acredita que outras pessoas esteja envolvidas no assalto, inclusive moradores de Poxoréu.

De acordo com o coronel todos envolvidos no assalto são moradores de Cuiabá, mas possuíam informações detalhadas da rotina da agência, o que sugere que alguém da proximidade tenha orientado a quadrilha.

No início da tarde a PM, em parceria com o Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE) e o Grupo de Atuação Especial Contra o Crime Organizado (Gaeco) que identificaram dois homens, sendo pai e filho, que iria resgatar um dos assaltantes. Além de outro envolvido no assalto, conhecido com Chapolin. Todos se encontram presos no município de Jaciara.

Na ocasião foi esclarecido que as prisões ocorreram inicialmente na cidade de Juscimeira. Valdivino estima que foi recuperado mais de 90% do valor roubado e que as buscas pelos assaltantes ainda não terminou.

Comentários

Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.