Segundo informações recebidas pela “Coluna Bastidores”, a situação na prefeitura Municipal de Rondonópolis na relação com seus fornecedores está cada dia mais crítica, mas, este é um problema recorrente desde o início da gestão do prefeito José Carlos do Pátio (PMDB).

A grande prova teria sido segundo as informações recebidas, no corte das linhas telefônicas nas Secretarias de Educação e Esporte e Cultura do município, segundo nossa “fonte” o serviço teria sido cortado na quarta-feira (18/05) e sem qualquer previsão de restabelecimento do serviço.

Com uma grande rejeição apontada pela pesquisa Mark, junto à população, Pátio e sua equipe, continuam municiando seus adversários políticos com argumentos de falta de capacidade administrativa.

Leia também:  Atuante

O episódio dos telefones nas secretarias engrossa agora a lista de cortes no fornecimento de serviços ou produtos que atingiram a administração de Pátio. Desde que assumiu o poder, o prefeito rondonopolitano, já acumulou problemas no fornecimento de pão para as creches, o fechamento de posto de saúde por falta de pagamento de aluguel, falta de medicamentos para a população, ambulâncias do SAMU paradas, fotocopiadoras a serviço do Paço Municipal bloqueadas e outros pequenos e grandes “erros administrativos” que não chegaram ao conhecimento da população ou não foram notícia aqui no AGORA MT.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.