Fonte: Midia News

O presidente da Agecopa, Eder Moraes, aproveitará a viagem à África do Sul para estreitar relações do governo de Mato Grosso com o ministro dos Esportes, Orlando Silva. O gestor da autarquia mato-grossense afirma que este é o momento para cobrar mais abertura e sensibilidade do governo federal com questões ligadas à Copa do Mundo em Cuiabá. A comitiva coordenada pelo órgão de Brasília embarca para Johannesburgo nesta segunda-feira (20.06).

“Vou contextualizar o ministro de tudo que está sendo feito aqui no nosso Estado para o Mundial. Também vou pedir que tenha um olhar mais atento para a nossa região. Muitas coisas boas estão acontecendo aqui e isso merece espaço e reconhecimento. Hoje Cuiabá é uma das cidades-sede mais avançadas nos preparativos para a Copa”, destacou.

Leia também:  Caravana da Transformação alavanca resultados no final de semana

Eder Moraes pontuou que a Arena Pantanal já está com 25% do projeto executado e a estrutura do estádio já começou a ser erguida. “Já estão em execução a duplicação da ponte Mário Andreazza e as rodovias estaduais MT 040 (Cuiabá- Santo Antônio) e MT 251 (Cuiabá – Chapada). Já temos cerca de 60% dos projetos concluídos. As licitações das obras de desbloqueio também estão bastante avançadas. Até quarta-feira serão abertas as seis propostas para execução de seis delas, entre vários outras coisas em andamento”.

O grupo que viaja ao país africano é formado pelos gestores das 12 cidades-sede da Copa do Mundo de 2014. “Há um volume muito grande de procedimentos em andamento na Agecopa, por isso penso até mesmo em voltar antes do dia 24. Estou indo a essa viagem por uma questão institucional, de relacionamento entre nosso Estado com o governo federal. É muito importante que tenhamos voz e abertura política para atrair a atenção dos gestores federais para Mato Grosso”, pontuou.

Leia também:  Prefeitura já adotou medidas para controle de abastecimento de frotas e fez nova licitação

A delegação também poderá averiguar qual o legado pós-Copa deixado para a população local, uma vez que já se passou um ano da realização do evento na África. A viagem coordenada pelo Ministério do Esporte contará também com a presença de empresários brasileiros envolvidos nos preparativos da Copa do Mundo de 2014 e de representantes do Ministério de Desenvolvimento, Comércio e Indústria.

O grupo chega em Johannesburgo na segunda-feira. Na terça-feira participa de um workshop, com abertura realizada pelo ministro brasileiro, Orlando Silva, e pelo ministro de Indústria e Comércio da África do Sul, Rob Davies. No dia seguinte os gestores visitarão o estádio Soccer City, as obras nas estradas no entorno do estádio, o aeroporto de Johannesburgo e os projetos implantados para melhorias no sistema de transporte terrestre.

Leia também:  Secretaria de Infraestrutura busca ofertar melhor qualidade de asfalto à população

A noite de quarta-feira será fechada com um encontro organizado pelo Departamento de Comércio e Indústria da África do Sul. Na quinta-feira (23.06) os integrantes da Missão retornam ao Brasil.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.