Foto: Ronaldo Teixeira / Agora MT

A Secretaria de Educação conta hoje com 28 ônibus escolares que foram adquiridos na atual gestão para atender alunos que vivem nas zonas rurais. A aquisição fez com que a secretaria economizasse cerca de 60 mil por mês, já que antes o transporte era totalmente terceirizado.

A secretária de Educação, Marilda Rufino, explicou que quando assumiu 98% dos ônibus escolares pertenciam a uma cooperativa que terceirizava o serviço. “Com isso o gasto chegava a 460 mil por mês, motivo que nos levou a criarmos a proposta de compra e passar para o prefeito Zé Carlos do Pátio (PMDB) que logo aceitou”, diz.

De acordo com a secretária foram comprados no início apenas três ônibus, depois foram financiados mais 11 e agora o governo doou mais dez, onde seis já foram entregues. Rufino afirmou que além de diminuir o custo, as novas aquisições também proporcionam mais seguranças aos 980 alunos que fazem uso do transporte.

Leia também:  Esse ato é de apoio a Lula e trabalhadores, diz deputado

“Todos os ônibus da secretaria possui cinto de segurança, são adaptados para pessoas com deficiência físicas e tem motoristas capacitados que participaram de cursos específicos para transportarem alunos, coisas que antes não podia ser controlado por ser somente terceirizado”, comenta.

Segundo Rufino a cooperativa ainda é responsável por 32 linhas existentes no município, mas que a secretaria exigiu que o serviço prestado fosse adequado as normas de segurança. A Cooperativa transporta mais de 1.200 alunos da rede pública.

Rufino afirmou que em agosto termina o contrato com a prestadora de serviço e que a ideia é retirar mais linhas do seu comando para haja ainda mais a redução de custos.

Leia também:  Zaeli reclama do não sincronismo dos semáforos e da falta de funcionamento da maioria deles
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.