Simoncelli busca o primeiro pódio de sua carreira na MotoGP (Foto: Reuters)

O italiano Marco Simoncelli está sob pressão para a etapa da Itália da MotoGP, neste fim de semana. Piloto “da casa”, Simoncelli tenta corresponder às expectativas da torcida italiana após mais uma decepção, no GP da Holanda, em que caiu da moto logo na primeira volta e acabou na 10ª posição.

“Super Sic”, como é chamado por seus fãs na Itália, saiu da primeira fila nas últimas seis provas, mas ainda não conseguiu um pódio na MotoGP. Em Assen, o piloto começou mal já antes da largada, quando demorou a decidir se correria com ajuste para pista seca ou molhada. Com pneus frios, forçou uma ultrapassagem e acabou caindo, derrubando consigo o atual campeão mundial, Jorge Lorenzo, que pediu por uma suspensão exemplar ao italiano. Simoncelli assumiu a responsabilidade pelo erro e se mostrou arrependido.

Leia também:  FMF confirma participação na Copa do Brasil de Seleções Estaduais Sub-20 da CBF

Minha primeira reação quando entrei no box depois da corrida, além de decepção e amargura, foi de que eu tinha sido um idiota, porque eu poderia ter esperado. Cometi um erro e isso me custou muito, além de involuntariamente derrubar (Jorge) Lorenzo também. Senti por ele, mas mais ainda por mim, porque joguei fora uma grande oportunidade. Foi provavelmente meu maior erro da temporada. Eu refleti muito sobre ele e isso vai me ajudar a crescer – disse Simoncelli.
saiba mais

O piloto da Honda Gresini quer encarar a prova de Mugello com “calma e motivação”, mas reconhece que isso será difícil com tanta atenção ao seu redor.

Leia também:  União aposta em Ricardo para bater o Cuiabá

Todos estão esperando coisas grandes de mim e eu tenho que compensar esta fé com um resultado positivo, que coloque a história recente firmemente no passado. Estou rápido, achei uma sensação perfeita com a moto e estou extremamente determinado a prová-lo na corrida. Vai haver muitos fãs lotando as montanhas de Mugello e eu não quero, nem posso decepcioná-los. Amo a pista, é uma das minhas favoritas e eu venci minha primeira corrida de 250cc aqui em 2008. Mal posso esperar para voltar à pista! – afirmou o italiano.

O SporTV e o SporTV HD transmitem o GP da Itália do Mundial de Motovelocidade ao vivo no domingo, às 6h (horário de Brasília), com narração de Guto Nejaim e comentários de Fausto Macieira.

Leia também:  Cuiabá Arsenal encara último rival da 1ª fase do brasileiro
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.