FOTO INTERNET

Agência Nacional de Petróleo Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) divulgou que o menor preço médio do etanol foi registrado em Mato Grosso. No Estado, o litro do produto derivado da cana-de-açucar custa em média R$ 1,614.

O levantamento que é realizado semanalmente pela ANP mostram que os dados foram coletados em 140 postos e se referem ao período de 3 a 9 de julho. No Brasil, o maior preço médio foi registrado no Acre, a R$ 2,544 por litro. O preço mínimo registrado para o etanol foi de R$ 1,449 por litro, em São Paulo. Já em Mato Grosso, o preço mínimo é de R$ 1,48, enquanto que o máximo alcançou R$ 2,19. Em Cuiabá, por exemplo, há postos revendendo o litro do etanol a R$ 1,530 até a R$ 1,697, diz pesquisa.

Leia também:  MP notifica Estado para fazer campanhas de incentivo a doação de córneas

Quanto à gasolina comum, os preços variam entre R$ 2,57 a R$ 3,39, o litro, em Mato Grosso. O preço do litro de diesel varia entre R$ 2,05 a R$ 2,64.

Para donos de carros bicombustíveis (que aceitam tanto gasolina quanto etanol), o etanol é mais vantajoso economicamente se o preço não ultrapassar 70% do preço da gasolina. O cálculo é simples. Divide-se o preço do etanol pelo da gasolina e multiplica-se por 100. Se o resultado for maior do que 70, é melhor abastecer com gasolina. Se for menor, prefira abastecer com etanol. Exemplo: com o litro da gasolina a R$ 2,70 e o do etanol a R$ 1,69, chega-se a 0,62. Multiplicado por 100, obtém-se o número 62, ou seja, o melhor é abastecer com etanol.

Leia também:  Prefeitura de Nova Bandeirantes é alvo de operação da PC contra desvio de dinheiro público
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.