Foto: assessoria

O jamaicano Usain Bolt e a russa Yelena Isinbayeva triunfaram, nesta sexta-feira, na etapa de Estocolmo da Diamond League.

Bolt faturou a prova dos 200m, com o tempo de 20s03 – ainda distante do melhor deste ano (19s86), marcado pelo próprio jamaicano em 9 de junho, em Oslo.

Nesta sexta, ele ficou à frente do panamenho Alonso Edward, com 20s47 e de outro jamaicano, Ainsley Waugh, com 20s56.

Com a vitória, Bolt pôs fim às derrotas em Estocolmo. Foi na capital sueca que ele perdeu os 100m em 2008 e 2010.

Na primeira vez de Yelena Isinbayeva – recordista mundial, com 5,06m – na Diamond League desta temporada, vitória da russa. Com 4,76m, sua melhor marca no ano, Isinbayeva foi ao lugar mais alto do pódio. Fabiana Murer ficou em quinto lugar, com 4,51m.

A prata foi para a alemã Silke Spielburg, com 4,70m, e o bronze, com a americana Jennifer Suhr, com 4,64m.

Os principais atletas usam as etapas da Diamond League como preparação para o Campeonato Mundial de Daegu, na Coreia do Sul, entre 27 de agosto e 4 de setembro.

Para Fabiana Murer, não foi um bom resultado. No Estádio Olímpico de Estocolmo, ela entrou na prova com o sarrafo a 4,51m – passou na segunda tentativa. Optou por não saltar 4,58m e foi direto para 4,64m, altura em que Isinbayeva entrou na disputa. A russa passou na segunda tentativa, enquanto Fabiana, depois de errar os dois primeiros saltos, desistiu da terceira tentativa e seguiu para 4,70m. Não conseguiu passar o sarrafo e saiu da prova.

Fabiana, que em Estocolmo teve a companhia do ucraniano Vitaly Petrov, ex-técnico de Isinbayeva e consultor da Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt), disse que a prova foi um pouco difícil, “principalmente no aquecimento, por causa do vento que estava forte e virava de direção”.

– Foi preciso ter calma com o vento. Gostaria de ter feito melhor. Estou bem fisicamente, mas sinto que meus saltos ainda estão inconstantes. O objetivo é mesmo usar essas competições antes do Mundial para ganhar constância nos saltos. Uma hora a técnica sai direitinho, em outra hora não sai.

Agora, Fabiana segue para Malmo, também na Suécia, onde vai permanecer até a viagem para Londres – vai disputar mais uma etapa da Diamond League, no dia 5 de agosto, dando sequência à preparação para o Mundial.

COMPARTILHAR

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.