Foto: Varlei Cordova AGORA MT

Com cerca de 500 exemplares de livros compõem a Ecoteca, implantada na Casa Abrigo de Rondonópolis, que tem resultados positivos no estimulo a leitura das crianças e adolescentes que estão no lar a espera de adoção.

A pedagoga Regina Pereira Branco, disse que o projeto do Instituto Educare foi bem aceito pelas crianças que descobriram o prazer pela leitura. Os internos costumas ler livros como o Caçador de Pipas, Laços de Família, Tem um garoto no meu quarto, A Arte da Guerra e outros entre os 457 exemplares, dentre os autores mais procurados estão Augusto Cury e Ziraldo.

Regina explicou que após a leitura é as crianças entregam uma resenha. “A Ecoteca tem sido muito usada, e sempre eles devolvem com o livro um texto com que eles aprenderam e entenderam na leitura, o que estimula a leitura, a escrita e a reflexão”.

Leia também:  Governo apresenta Plataforma Digital da Agricultura Familiar de MT

De acordo com a pedagoga, a Ecoteca é um projeto excelente, pois dá oportunidade e incentiva a leitura das pessoas, principalmente porque no Brasil a pratica de leitura é muito baixa. Segundo Regina, Rondonópolis é o único município do Centro-Oeste que a Ecoteca foi implantada em uma instituição assistencial. A pedagoga declarou que as pessoas podem realizar doações de livros literários, para aumentar o acervo do projeto.

ECOTECA
O projeto é realizado com apoio da ADM, por meio da Lei Rouanet, que destina parte do valor que pagaria de Imposto de Renda a projetos sociais. Parte da estrutura da Ecoteca é feita de material reciclado.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.