Foto: Ronaldo Teixeira / AGORA MT

280 famílias que foram despejadas de uma área destinada à implantação da Indústria Fiasul, na BR 163, acabam de invadir uma área próxima ao anel viário de Rondonópolis, na região do bairro Jardim das Flores.

Um dos líderes do movimento, Daniel Fernades, apresentou a equipe de reportagem um documento que segundo ele, seria uma intenção de venda do proprietário da área, Natanael Cruz, juntamente com uma cópia do que seria escritura da área em nome da mesma pessoa.

Neste momento o clima é tenso, já que na porteira de entrada da área estão dois seguranças que estaria a mando de outra pessoa, que se diz proprietária das terras, apontada pelos invasores e pelos seguranças como sendo o advogado Humberto Queiroz.

A Polícia Militar já está no local e fez uma revista nos invasores e nos seguranças para saber se haveriam armas de fogo no local. O tenente Silva afirmou que apurou as informações no local e que a próxima etapa é verificar a autenticidade dos documentos apresentados e ouvir a versão do advogado citado pelos invasores.

Daniel Fernades explicou que as familias vão permanecer no local, onde já houve a divisão dos terrenos. “Amanhã já vamos estar com as barracas montadas aqui”, diz.

Advertisements
COMPARTILHAR

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.