Movimento 13 de Outubro vai liberar a BR 163 às 11 horas desta quarta-feira (13/07) na tentativa de negociar com representante do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (INCRA), a reunião que deve ocorrer no prazo de 24 horas. O fluxo de veículos foi novamente interrompido, às 6 hora de hoje.

De acordo com representante do movimento, Guimar Rodrigues, o ouvidor do INCRA, Salvador Sothero, virá a Rondonópolis para liberar áreas onde as 400 famílias serão assentadas e mediante essa possibilidade de negociação a BR será liberada por 24 horas, a partir das 11 horas de hoje, no terceiro dia de bloqueio.

Guimar relatou que devem ser disponibilizadas quatro áreas, as fazendas Estrela do Sul, Meia Lua de Ouro e Vale Feliz, em Pedra Preta e também a fazenda Moça Bonita, em Poxoréu.

Leia também:  Dia de Finados | Rondonopolitanos lotam cemitérios para prestar homenagens

Os manifestantes argumentam que no início do ano o INCRA os retirou do acampamento na região do Coronel Osvaldo, em Rondonópolis, com a promessa de assentá-los num prazo de 90 dias, e até o momento nada foi feito, por essa razão bloquearam a BR 163 até que o INCRA tomasse providencia.

Negociação

A assessoria do INCRA confirmou que amanhã (14/07) um represente do órgão estará presente com os manifestantes, por volta das 9 horas, para tentar uma negociação e recolher as áreas indicadas pelo movimento para que possa ser dado início no processo de assentamento.

O nome do representante ainda não foi confirmado.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.