Foto: arquivo / AGORA MT

Novamente vence o prazo para início das atividades do Centro de Atendimento Integrado à Saúde da Mulher (CAISM), a abertura dos trabalhos estava prevista para o dia 10 de agosto, mas até o momento a clinica continua fechada.

A presidente do Conselho Municipal dos Direitos das Mulheres (CMDM), Sandra Raquel, frisou que a situação já não pode permanecer da forma que está, pois além de não oferecer a atendimento para as mulheres novamente o dinheiro público está sendo mal administrado. “O prédio foi construído e agora reformado, mas o funcionamento da clínica ainda não começou. Será que vai permanecer fechado novamente? E enquanto isso o dinheiro público continua sendo gasto com um prédio fechado”, questionou a presidente do CMDM preocupada que o recurso destinado ao CAISM seja perdido.

Leia também:  Empresário expande comércio em Rondonópolis

A equipe de jornalismo do site Agora MT tentou entrar em contato com a coordenadora do Departamento de Atenção a Saúde, Simone Rezende, mas não obteve êxito.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.