Foto: arquivo / AGORA MT

O empresário Gilberto Lima dos Santos, mais conhecido como Beto do Amendoim (PSL), parece estar sentindo o peso de não ser mais a grande estrela do seu partido, pelo menos é o que fontes ligadas ao Partido Popular Socialista (PPS), informaram a reportagem do AGORA MT, segundo informações da fonte, Beto, estaria em plena fase de negociações com o PPS , para se tornar um dos candidatos a vereador do partido. “O Beto tem nos confidenciado em algumas das conversas que tem mantido com o partido, que ele já não tem o mesmo espaço dentro do PSL e que alguns nomes que devem compor a chapa de vereadores poderiam atrapalhar a sua possibilidade de eleição”, revelou a fonte.

Leia também:  "Falar de política não está fácil", confessa dirigente do Solidariedade

Segundo presidente municipal do PPS em Rondonópolis e primeiro suplente do senador Pedro Taques, José Medeiros, ele pessoalmente desconhece o fato, mas, como foi montada uma estratégia para atração de nomes para compor a chapa do partido e existem mais pessoas tratando do assunto é bem possível que Beto tenha sido sondado. “Não posso afirmar que seja verdade e nem desmentir o fato, mas, o Beto é um quadro que nos interessa”, revelou Medeiros.

Apesar de negar sua saída do PSL, Beto do Amendoim, confirmou a reportagem, por telefone, que tem sido procurado pelo PPS e por outros partidos, mas, que não tem interesse em deixar o PSL.  “Tenho sido procurado pelo PPS e por outros partidos, o PPS é um partido interessante com que tenho afinidades, inclusive com o deputado Percival, que é meu padrinho de casamento”, revelou Beto.

Leia também:  União volta a jogar sábado pelo Sub-19

Ainda segundo o empresário, neste momento o PSL trabalha o fortalecimento da sua chapa de vereadores com novas filiações e ele estaria também trabalhando neste sentido. “Tenho um carinho especial pelo PSL, pelo Biliu e pelos meus companheiros de partido e vou lutar pelo PSL nas próximas eleições, mas, se eu não fosse PSL seria do PPS”, disse.

A reportagem tentou contato com o Presidente Regional do PSL e Secretário Municipal de Desenvolvimento Econômico, Valdemir Castilho, o Biliu, para confirmar se há a possibilidade da saída de Beto do partido, mas, não foi possível manter contato telefônico.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.