Foto Internet

Pelo menos oito assaltantes armados invadiram e roubaram uma agência bancária, em Campo Novo do Parecis, a 397 quilômetros de Cuiabá. Informações preliminares dão conta de que os ladrões fizeram reféns e fugiram em caminhonetes.

Testemunhas relataram que houve uma intensa troca de tiros entre os criminosos e os policiais do município. Além disso, clientes foram usados como “escudo humano” pelos assaltantes, no momento em que deixavam a agência. No entanto, até o momento, ainda não há informações sobre feridos. Os reféns ainda não foram liberados e estariam com os criminosos.

As ações criminosas semelhantes a esta, segundo a polícia, são conhecidas como “Novo Cangaço”, em alusão aos bandos de cangaceiros que aterrorizavam as cidades do interior do país no século passado. Esta não é a primeira vez que a mesma agência bancária é assaltada. Em dezembro de 2010, ladrões invadiram o banco e também fugiram levando reféns, em Campo Novo dos Parecis.

Um helicóptero do Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer), com policiais militares, deixou a capital Cuiabá rumo à cidade para colaborar com as buscas aos suspeitos. Policiais do município também reforçam às buscas nas estradas e rodovias.uadrilha assa

 

COMPARTILHAR

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.