Foto: arquivo / AGORA MT

Secretaria Municipal de Educação busca alternativa para reduzir efeitos do clima seco nas escolas. Nesta semana a Secretaria Estadual de Educação (Seduc) e a Defesa Civil orientaram as 724 unidades a suspender as aulas de educação física a céu aberto devido à baixa umidade relativa do ar.

Nesta terça-feira, a umidade relativa do ar, em Rondonópolis, chegou 11%, de acordo com dados do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), com base dos dados da estação automática que fica no campus da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT).

A secretária Municipal de Educação, Marilda Rufino, declarou que foi solicitada atenção especial a todos os professores na tentativa de amenizar os efeitos da baixa umidade e incentivar os alunos a beberem mais liquido e comerem frutas com maior percentual de água.

Leia também:  Sem sinalização horizontal, semáforo na Dom Pedro não pode multar por parada na faixa

Marilda informou que aguarda uma resposta da secretaria de saúde sobre quais medidas são aconselháveis, mas até o momento não foi tomada nenhuma ação mais drástica, como suspensão das aulas.

“Não foi preciso suspender as aulas, mas estamos orientando as crianças a ingerirem bastante liquido. Parte das salas de aula onde ficam os bebês possuem umidificador de ar, nas salas das crianças quase todas possuem climatizadores, que apesar de não ser o ideal diminui a temperatura na sala. Esperamos uma resposta da secretaria de saúde”, disse Marilda.

Segundo a escala usada pela Organização Mundial de Saúde (OMS), a umidade relativa do ar ideal é de 60%. A umidade entre 60% e 30% é considerada aceitável. Abaixo de 30% e acima de 20% já representa ‘estado de atenção’. Abaixo de 20% representa ‘estado de alerta’. Quando o nível de umidade relativa do ar fica abaixo de 12%, entra em ‘estado de emergência’.

Leia também:  Ação conjunta consegue impedir roubo de carga e prender quadrilha em Pedra Preta

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.