Shows de trapezistas, malabaristas, palhaços e globo da morte suspenso. Isto é o que o Janke Circus promete fazer em Rondonópolis, a partir desta sexta-feira, dia 2 de setembro. O espetáculo de estreia começa às 20h30 e promete atrair os adeptos da arte circense que percorre o mundo, promovendo alegria e divertimento para a população das diversas culturas.

Responsável pelo espetáculo itinerante, o gerente Wellington Gregório Nogueira explica que o circo do Estado de Santa Catarina se destaca como a maior estrutura de shows itinerantes do Brasil. São 38 famílias circenses que somam 236 pessoas, entre artistas e técnicos.  O Janke Circus foi fundado por artistas e profissionais que atuavam na rede de circos itinerantes do Beto Carreiro.

Leia também:  Projeto “O Rio é Nosso” reuniu mais de 1,6 mil voluntários para limpeza do Ribeirão Arareau

O circo instalado na pista do Antigo Aeroporto Municipal Salmen Hanze, permanece na cidade até o dia 11 e vai realizar até três sessões diárias, no fim de semana. De segunda a sexta-feira acontece um espetáculo às 20h30. No sábado são dois espetáculos às 18 horas e às 20h30. No domingo tem apresentações às 16 e 18 horas e às 20h30. Wellington Nogueira antecipa que cada espetáculo traz um diferencial para o público que aprecia a arte circense.

Parceria social

Graças à parceria do Janke Circus com a prefeitura local, 2.200 crianças da comunidade local vão assistir ao espetáculo de graça. A data da sessão especial vai ser anunciada após a estreia. Estudantes, idosos e crianças de até 12 anos são beneficiados com o desconto de 50% no valor ingresso.

Leia também:  Esquadrilha da fumaça surpreende público com show aéreo em Rondonópolis
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.