Foto: Internet

Caiu na rede, vira assunto. A frase traduz bem os novos hábitos de consumidores que aprenderam a usar a internet para reclamar de alguns serviços. É aí que as falhas do mundo corporativo ganham repercussão.

Marcelo Roca ainda lembra dos problemas que teve bem no dia de um jogo da seleção pela Copa do Mundo. Ficou incomunicável, sem telefone, internet e TV a cabo. Pelo celular, usou uma rede social para reclamar. Ele é um novo tipo de consumidor, antenado às novas tecnologias e meios de se comunicar e se expressar.

Assim como Tamirys Seno Barboza, que usa a internet para trabalhar e já usava os bate-papos com empresas para contratar serviços e reclamar, mas quando ficou com o computador quebrado, não conseguiu resolver o problema. Ela também aderiu aos sites de relacionamento para que todos soubessem a sua indignação. Tamirys e Marcelo não são os únicos. Cada vez mais, o consumidor tem percebido que não é preciso perder horas do nosso precioso tempo indo até a empresa ou ligando pra reclamar de um produto ou serviço. Pela internet, nas redes sociais, é possível reclamar.

Leia também:  Dois em cada três alimentos consumidos nas cantinas têm baixo valor nutricional

As empresas têm criado perfis nas redes sociais para ter contato com os clientes. Usam isso para resolver problemas e anunciar produtos, e os sites de relacionamento viram verdadeiros muros de lamentações. Mauricio Fodra descobriu isso quando criou, com outros dois amigos, um site para juntar todas as reclamações citadas contra as empresas no Twitter.

O site faz um ranking diário, semanal e mensal de quem fez “fail”. A expressão é muito usada na internet para demonstrar uma insatisfação das pessoas com alguma coisa. A página serve de pesquisa pra descobrir as maiores reclamações. Portanto, atenção empresas: os novos consumidores estão de olho em vocês!

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.