Foto: Jonathan Campos

O calor no estado vai aumentar ainda mais esta semana. A temperatura deverá atingir a máxima de 41ºC na terça-feira, dia 6, sem possibilidade de chuvas e ventos fracos para a Capital. A mínima será de 24º.  Na quarta-feira, 7 de setembro  mais calor: 40º C, segundo a previsão do instituto Climatempo. A tradicional e tão esperada chuva do feriado não deve acontecer: as chances são mínimas. A umidade do ar cairá para 29% por volta das 15 horas.

O calor acima dos 40º persistirá na quinta-feira. Não há também possibilidade de chuvas. A tendência, segundo o instituto, é que a situação se “normalize” na sexta-feira, dia 9, quando a máxima deverá ficar em 36º e mínima em 23º.  Pelo menos até o dia 14 não existe possibilidade de chuvas.

Leia também:  Esporte aproxima policiais e afasta jovens do crime

Nesta segunda-feira, a situação não muda. O ar quente e seco persiste sobre a maior parte do Centro-Oeste. O extremo sul de Mato Grosso do Sul e o noroeste de Mato Grosso ficam com algumas nuvens e há previsão de chuva rápida à tarde. Nas áreas da região, o tempo fica firme, com sol forte e calor à tarde. Algumas cidades ficam com umidade do ar muito baixa durante as horas mais quentes do dia, com índice inferior a 20%.

Aviso meteorológico do Instituto Nacional de Meteorologia informa também que as condições são favoráveis à ocorrência de baixa umidade relativa do ar, em tornode 20% nesta segunda-feira, 5.

O resultado dessa situação é que a estiagem agrícola já está atingindo 130 dias no centro-leste de Mato Grosso.  Segundo informações do portal Agritempo, o tempo quente e seco vem deixando os pastos em péssimas condições. O crescimento das gramíneas está prejudicado e a pastagem natural acaba sendo insuficiente para alimentar o rebanho.

Leia também:  Projeto que regulamente atividades artísticas na rua é aprovado na Câmara de Alta Floresta

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.