Arquivo Agora MT

O Instituto Municipal de Previdência Social dos Servidores de Rondonópolis – Impro, em conjunto com a Prefeitura de Rondonópolis deu início ao censo previdenciário, que vai de 01 de setembro a 30 de novembro deste ano e envolve todos os servidores estatutários e efetivos, bem como os aposentados e pensionistas do instituto. “O processo tem por finalidade fazer a atualização dos dados cadastrais de todos os servidores, com a inclusão de foto digital e o processo de digitalização de todos os documentos, conforme especifica Portaria do Impro e Decreto da Prefeitura”, esclarece o gerente de Benefícios, Edson Wander Pina da Silva.

O gerente de Benefícios enfatiza que a realização do censo é exigida em decorrência de previsão legal estabelecida na Lei Federal nº 10.887, de 18/06/2004, que prevê a realização de censo previdenciário de cinco em cinco anos, bem como em decorrência da desatualização dos dados cadastrais da Prefeitura de Rondonópolis, que por conseqüência interfere no cálculo atuarial para determinação da alíquota de contribuição previdenciária. “Além disso, há a  necessidade de identificação do servidor, do perfil funcional, de sua lotação, seu enquadramento funcional, bem como outras informações consideradas fundamentais para o Impro e a Prefeitura de Rondonópolis e a necessidade exclusiva do Impro na formação da sua base de dados cadastrais, totalmente digitalizada e da necessidade de montagem do histórico da vida funcional do servidor e disponibilização de um sistema de dados para o INSS/MPAS, dentre outros”.

Leia também:  Acidente na MT-130 deixa duas vítimas gravemente feridas

Três postos de atendimento foram disponibilizados: Posto 01 – Prefeitura de Rondonópolis; Posto 02 – Ceadas (atendimento às secretarias municipais de Saúde e de Educação); e Posto 03 – Recepção do Impro. O horário de funcionamento é das 8:00 às 12:00 horas e das 14:00 às 18:00 horas. Edson Wander Pina da Silva lembra ainda, que é de suma importância a participação de todo o servidor municipal efetivo e/ou estatutário, “seja ele do Sanear, Prefeitura, Câmara Municipal, Serv Saúde, Impro, aposentados / pensionistas e de outras autarquias”.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.