Foto:Divulgação

Nesta quinta-feira (29), a Polícia Rodoviária Federal (PRF) realizará mais uma edição do programa “Rota Cidadã”, em parceria com o DETRAN, SINFRA, PM, Corpo de Bombeiros, Exército Brasileiro, Secretaria Municipal de Saúde e demais colaboradores. A ação será desenvolvida das 8h00 às 16h00, no Portal de Entrada da cidade de Cáceres (MT), km 726 da BR 070.

O “Rota Cidadã” é um projeto que visa a saúde dos caminhoneiros. Médicos, enfermeiros, fisioterapeutas, nutricionistas e outros profissionais avaliarão a saúde dos caminhoneiros que passarem pelo local. Vários exames poderão ser feitos gratuitamente, tais como: hiperglicemia, colesterol, acuidade visual e auditiva, porcentagem de gordura corporal, nível de sonolência. Informações sobre qualidade de vida e sobre como cuidar da saúde no dia a dia também serão fornecidas.

Leia também:  Onça-parda é resgatada ferida em pasto de assentamento em MT

Além da avaliação médica, os caminhoneiros receberão informações sobre regras de circulação nas vias públicas, legislação, direção defensiva e etc. Serão distribuídos kits educativos e folders.

Segundo o coordenador do Programa, Inspetor Alessandro Dorileo, chefe do Núcleo de Acidentes e Medicina Rodoviária da Polícia Rodoviária Federal, o Rota Cidadã “tem grande importância na orientação dos caminhoneiros em relação aos agravos de saúde e, ao mesmo tempo, na prevenção e diminuição de acidentes”.

Conforme dados obtidos no programa, 85% dos caminhoneiros sofrem de obesidade, 35% de pressão alta, entre outras enfermidades. Estes dados são um alerta para a necessidade de programas visando a saúde dos motoristas. Esses problemas podem colocar em risco a segurança dos caminhoneiros e, também, de outros usuários das rodovias.

Leia também:  Rico e Lázaro | Lior se surpreende com o retorno de Asher à Babilônia

De acordo com os organizadores do evento, os problemas de saúde são provenientes da vida “dura” que levam os caminhoneiros. Devido às longas viagens, eles passam muito tempo longe da família. O longo período ao volante também é um complicador para a saúde. As consequências são: depressão, distúrbios alimentares, sedentarismo, insonia, entre outros problemas.

Ações preventivas das empresas transportadoras, dos próprios caminhoneiros, dos órgãos públicos são necessárias para amenizar esse quadro.

O Rota Cidadã da Polícia Rodoviária Federal contribuirá para a promoção da saúde dos caminhoneiros, em sua maioria homens, que não têm tanta disponibilidade de tempo para cuidar da própria saúde. Todas as ações serão gratuitas.

Leia também:  MPE quer condenação de ex-secretário e mais 6 por desvios na Educação
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.