Faltando apenas um mês para o término do período de filiações para quem intenção de disputar as eleições de 2012, o Partido dos Trabalhadores começou a definir os possíveis nomes da sigla para a disputa, por conta disso, o presidente municipal da sigla, Mauro Campos, quer cobrar uma definição do apresentador Agnelo Corbelino (PP), que vem negociando sua filiação com o PT a mais de 30 dias.

“ Levei o Agnelo para participar de uma reunião com o nosso presidente nacional, Rui Falcão, em Cuiabá e com o presidente regional, Ságuas Moraes, e agora vamos cobrar um posicionamento dele, precisamos saber da sua resposta no máximo em até 10 dias, e toda a executiva já deixou claro que ele e bem vindo para disputar a prefeitura, mas agora precisamos de uma resposta urgente, até por conta que temos dentro do PT, outros nomes que já manifestaram o desejo de encabeçar uma chapa majoritária”.

Leia também:  MPE realiza encontro para discutir a atuação da instituição na defesa das crianças e adolescentes

Segundo Mauro, o partido não descarta a filiação de outras lideranças para entrar na  disputa à prefeitura de Rondonópolis, como a do empresário, Nelis Farias e de Adilton Sachetti, “Já estivemos em outras oportunidades conversas com os empresários Nelis Farias e Adilton Sachetti para que eles se filiassem ao partido e assim disputar a prefeitura do município nas eleições de 2012. (…) Não que nosso partido não tenho hoje bons nomes e sim por conta que hoje os mesmos se encontram muito bem avaliados no perante a população e assim juntos poderíamos construir um projeto de desenvolvimento  para o município”, revelou Mauro.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.