Um detento morreu durante rebelião ocorrida na manhã desta quarta-feira (21) no município Primavera do Leste (237 km de Cuiabá). Algumas pessoas foram feitas reféns e ameaçadas pelos presos com chuços, durante a confusão que começou na parte da manhã e só terminou no início da tarde, por volta das 13 horas.

O motivo da rebelião, segundo o diretor da unidade Edilson Sodré, teria sido em protesto a morte do detento que passou mal e infartou antes mesmo de chegar a unidade do Samu para levá-lo para o hospital. O detento Nilton dos Santos Bailão, que é de Água Boa (743 Km de Cuiabá), e estaria em Primavera para ser ouvido no Fórum. A direção da cadeia pediu apoio a PM para conter os ânimos dos presidiários exaltados após o banho de sol.

Leia também:  Polícia Ambiental apreende armas e materiais de caça

A Força Tática da Polícia Militar (PM), entrou na unidade, por volta do meio-dia, controlando a situação. Um agente prisional estava como refém e foi libertado ao fim da rebelião.

A cadeia de Primavera tem 120 detentos. Mesmo com esse episódio, o diretor da cadeia acredita que não será necessária a transferência de reeducandos para outra unidade.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.