Foto: Roberto Stuckert Filho

O superintendente do Banco da Gente, José Severino da Silva Neto, o Nino, representou Rondonópolis no Seminário do Brasil Sem Miséria, em Brasília, que teve a participação da ministra do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, Tereza Campello, a secretária de Desenvolvimento Social e Transferência de Renda, Arlete Sampaio e o presidente do SEBRAE, Luiz Barreto.

A proposta do Plano Brasil Sem Miséria estima atingir 1,5 mil municípios e contará com o apoio do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (SEBRAE), que investirá R$ 180 milhões até 2014, em programas de consultoria e gerenciamento para atender a população em pobreza extrema.

A ação vai ampliar a formalização de microempreendedores e disseminar o microcrédito entre beneficiários de programas sociais. O acordo foi assinado, na última quarta-feira (14/09), entre a ministra do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS), Tereza Campello, e o presidente do SEBRAE Nacional, Luiz Barretto, durante o seminário “Brasil Sem Miséria: como o empreendedorismo e os pequenos negócios podem ajudar”.

Leia também:  Natal sem Fome tem lançamento oficial em Rondonópolis na próxima quarta

No seminário em Brasília, o superintendente do Banco da Gente sugeriu que fosse copiado o exemplo da Prefeitura de Rondonópolis, que prioriza a contratação de menores assistidos participantes do Bolsa Família, para trabalhar na prefeitura.

O Banco da Gente juntamente com a Sala do Empreendedor da Secretaria Municipal de Agricultura e SEBRAE estão se inteirando do projeto para apoiar o maior numero possível de contratos com os pequenos negócios e em especial os empreendedores individuais de nossa cidade.

Nos últimos oito anos, 28 milhões de brasileiros saíram da extrema pobreza e 15 milhões de empregos formais foram criados. Entretanto, apesar da significativa redução das desigualdades no Brasil, ainda existem grandes desafios.

Leia também:  Seis foragidos da Mata Grande são recapturados pelas Forças de Segurança em Rondonópolis
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.