Temos os melhores centros de treinamento de futebol de Mato Grosso, temos um aeroporto com condições de receber uma seleção, temos uma boa rede hoteleira, temos condições de abrigar emissoras de rádios, tvs, jornais e sites, que sempre acompanham as seleções, temos áreas de lazer, temos centros de eventos, só nos falta começar um movimento para entrar na rota da Copa e conquistar Dólares e Euros com esta oportunidade.

O problema é que existe uma cidade mais adiantada, a população já fazendo pressão e com isso ganhando espaço, Bonito no Mato Grosso do Sul.

Apesar de saber que a Copa tem investimentos altos e que nem sempre geram receitas, mas sim, despesas elevadas, podemos tirar proveito deste momento e mais uma vez mostrar para Mato Grosso, que Rondonópolis é pólo e no caso do futebol é líder.

Leia também:  Projeto repetido

Com uma secretária rondonopolitana, Teté Bezerra (PMDB), que comanda o turismo no estado, falta-nos unir forças, sociedade, Acir, CDL, Rotary, Lions, Maçonaria, Câmara Municipal, Prefeitura, Deputados da Região, o vice-presidente da Federação Mato-grossense de Futebol, o Chico da Paulicéia e principalmente a população de Rondonópolis e desbancar a cidade de Mato Grosso do Sul e assim fazer nossa cidade ficar “Bonito” na foto.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.