Foto: Arquivo Agora MT

Setembro fechou com aumento de 2% no número de consultas registradas pelo banco de dados da Câmara de Dirigentes Lojistas de Rondonópolis (CDL). O acumulado do ano registrou crescimento de 5,4%. Os dados são referentes a este ano, na comparação com os mesmos períodos do ano passado.

Para o diretor de Produtos e Serviços da CDL, Maurício Pugas, o termômetro que pode mensurar o comportamento do comércio, o banco de dados, está positivo, tendo em vista a crise mundial. Para ele, a Liquidaqui, que ocorreu de 5 a 10 de setembro foi fundamental para o saldo positivo de setembro.

“Além de ser um instrumento de vendas no período da campanha, houve empresários que aproveitaram e estenderam a promoção, ganhando novos clientes e atraindo os antigos, o que colaborou com o pequeno aquecimento do comércio local”, explicou.

Leia também:  Prefeitura e ACIR abrem diálogo sobre o desenvolvimento da cidade

Inadimplência

A entrada de pessoas para o cadastro de inadimplentes foi de (-) 15% em setembro. No acumulado do ano, as inclusões somam 27,6%, se comparado ao mesmo período do ano passado. Já as exclusões ficaram em (-) 10% em setembro e no acumulado cresceram 11,6%.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.