Reunião para discutir segurança na Vila Operária. Foto: Ronaldo Teixeira/Agora MT

Moradores e empresários da região da Vila Operária se reuniram, na manhã desta sexta-feira (07/10), com o vereador Reginaldo Santos (PPS) e o comandante em exercício do 5º BPM, major Sandro Barbosa, para discutirem as ações de segurança desenvolvidas no mês de setembro e uma forma de continuar a combater os índices de criminalidade na região neste mês.

Ranufo Rodrigues Barreto, morador da Vila Operária, disse que houve melhoras, mas as pessoas continuam presas em casa. “Ainda temos medo de sair de casa, quando começa a escurecer temos que entrar e trancar as portas para não sermos vítimas dos marginais que circulam pelo bairro”, desabafou o morador.

A comerciante, Arolda Souza Dias, afirmou que a criminalidade é alta, mas pode perceber uma redução nos índices, devido à intensificação das patrulhas no bairro, mas observou que têm ocorrido muitos arrombamentos durante as madrugadas e sugeriu rondas entre uma e quatro horas da manhã.

Leia também:  Homem morre ao levar tiro na testa em residência no Jardim Modelo

O comandante Sandro afirmou que a corporação tem trabalhado para reduzir a criminalidade na cidade, em especial na Vila Operária, mas é um processo gradativo e requer tempo. O comandante argumentou que o efetivo ideal para atender o Distrito da Vila Operária seria de 80 policiais e apenas 30 estão lotados para a região.

Dentre as ações para o mês de outubro, o Major frisou que será implantado a polícia ciclística, uma terceira viatura e o apoio da base móvel da PM e espera que para o próximo concurso o efetivo designado para a cidade seja maior, o que refletirá no bairro também.

Segundo dados da PM de agosto para setembro houve uma redução de 43,3% nos registos de roubos, caindo de 60 para 34 ocorrências.  Os registros de furtos reduziram de 41 para 36 ocorrências de um mês para o outro, o que representa uma queda de 12,2% de casos no Distrito da Vila Operária.

Leia também:  Nortox volta atuar em Rondonópolis após decisão do Tribunal de Justiça de MT

O vereador Reginaldo enalteceu o trabalho desenvolvido pela Polícia Militar, tendo em vista a falta de pessoal, viatura e equipamentos para atender a população, e que a corporação tem combatido com êxito a criminalidade no Distrito da Vila Operária. Na ocasião, o parlamentar criticou o descaso do Governo do Estado com a segurança do município, principalmente pela falta de condições de trabalho e o pequeno número de policiais designados para Rondonópolis, apenas 30 quando o ideal seria no mínimo 200 homens.

No próximo dia 26 de setembro será realizada uma reunião dos moradores e presidentes de bairros da região com o Conselho de Desenvolvimento Distrital da Vila Operária (Condivo) para traçar projeto que vise à segurança da região. Em 08 de novembro acontecerá uma nova reunião para avaliar os resultados das ações realizadas neste mês.

Leia também:  Casal é preso após esconder arma e desacatar autoridade
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.