A servidora pública Ângela Cruz assumiu na quinta-feira (06/10), o comando Partido Trabalhista Brasileiro (PTB), em Rondonópolis, que estava sem comando desde o mês passado após a saída do contador Eliezer Moreira, que se desfilou da sigla, para trabalhar sua pré-candidatura a vereador, nas eleições de 2012, no Partido Socialista Brasileiro (PSB).

De acordo com Ângela, que é formada em Ciências Contábeis, deixou o Partido Social Cristão (PSC), após o convite para se filiar ao PTB e assumir a presidência, “Fiquei supressa com o convite para assumir o diretório municipal do partido, mas, como não fujo de desafios revolvi aceitar o convite e encarrar esse novo desafio. (…) Uma das minhas primeiras ações na sigla é reunir todos os filiados, em especial os mais antigos, para poder ouvir e debater e assim apontarmos as diretrizes e os novos caminhos do PTB em Rondonópolis”.

Leia também:  Rico e Lázaro | Joana fica chocada ao saber que Zac chantageou Matias

O convite à nova presidente foi feito pelo presidente regional do PTB, o prefeito cuiabano, Chico Galindo, após uma reunião com o presidente regional do Partido Social Liberal, Valdemir Castilho, o Biliu, que indicou Ângela, para assumir o diretório.

Segundo fontes da direção regional do PTB, a estreita ligação entre Biliu e um sentimento de retribuição e confiança ao prefeito José Carlos do Pátio (PMDB) fez com que Galindo aceitasse a indicação de Biliu para o comando do PTB rondonopolitano.

PTB

O PTB no município já teve em seus quadros o vereador Olímpio Alvis (PR), sigla onde ele se elegeu pela a primeira vez vereador em 2001, outro politico rondonopolitano eleito pelo partido, foi o deputado estadual Sebastião Machado Rezende (PR) em 2002.

Leia também:  População define infraestrutura como prioridade nos debates da LDO
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.