Participação do Centro-Oeste e Nordeste no Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro de 2008 e 2009 aumenta, enquanto as demais regiões apresentam redução. Os dados foram divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

A participação da região Centro-Oeste cresceu de 9,2% para 9,6% a região Nordeste apresentou acréscimo de 13,1% para 13,5%. Já a Região Sudeste, que concentra mais da metade do PIB nacional, reduziu a participação na economia brasileira de 56% em 2008 para 55,3% em 2009. As participações das regiões Sul e Norte reduziram sutilmente, de 16,6% para 16,5% e 5,1% para 5%, respectivamente.

Em termos de crescimento econômico, as regiões Centro-Oeste e Nordeste registraram expansão de 2,5% e 1%, respectivamente, no período. As outras regiões tiveram queda no PIB: Sudeste (-1%), Sul (-0,6%) e Norte (-0,3%).

Leia também:  Vereadores buscam articulações para conquistar vagas na Assembleia em 2018

Entre os estados, Rondônia apresentou o maior crescimento econômico no período: 7,3%. Já o pior desempenho ficou com o Espírito Santo, com queda de 6,7% no PIB.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.