A declaração do vereador Cido Silva (PP) que possui autonomia da direção regional da sigla no estado, para se coligar na chapa majoritária para as eleições de 2012, é motivo de contestações na no partido.

O empresário Chico da Lima Tur que também é militante do Partido Progressista, compartilha das declarações do suplente de vereador Nilson Avelino (PP), no que tange a definição da coligação com outro partido e a total autonomia de Cido Silva e que as decisões tomadas pelo partido resultarão de um consenso do colegiado.

“Defendo o mesmo posicionamento do Nilson Avelino, que a possibilidade de coligação e candidatos dependerá do entendimento da diretoria do partido e não da vontade do vereador Cido Silva”, concluiu Chico.

Leia também:  Zeca volta ao DEM e pode disputar em 2018
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.