Residência à margem do Córrego do Canivete, no Jardim Tropical. Foto: Varlei Cordova/AGORA MT

Em dois meses o coordenador da Defesa Civil, Messias Cardoso, atendeu quatro ocorrências de famílias com risco de ficarem desabrigadas com as chuvas. Hoje (22/11) pela madrugada mais duas famílias foram surpreendidas com o efeito das chuvas e terão que abandonar o local onde moram.

Messias disse que as chuvas ainda não foram tão intensas, exceto as ocorridas nos dias 10 e 22 de outubro, mas já tem prejudicado alguns moradores e pode fazer novos desabrigados para os próximos meses, quando são mais frequentes e intensas. O coordenador lembrou que cerca de 100 famílias de Rondonópolis vivem em áreas de risco.

Os moradores serão encaminhados para um loteamento e as casas, a beira do Córrego do Canivete, serão derrubadas para evitar que outras pessoas entrem ao local e corram risco.

Leia também:  Pastor foragido há 4 anos é preso por extorsão e sequestro em Rondonópolis

Em caso de emergência a população pode ligar para o número (66) 9667-8851.

Advertisements
COMPARTILHAR
Artigo anteriorSaiba como lidar com o estresse
Próximo artigoGelado Crocante

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.