Foto: Divulgação - Internet
Separados, Dudu Nobre e Adriana Bombom se desentenderam mais uma vez por causa da partilha de bens e o caso foi parar na delegacia. Procurada pelo EGO, a assessoria de imprensa de Adriana confirmou que o cantor registrou queixa contra a ex-mulher por invasão de domicílio na 42ª DP, no Recreio, Zona Oeste do Rio, após tentar entrar, sem sucesso, em um apartamento que pertencia originalmente ao casal, no bairro de Vargem Grande.

A representante de Bombom confirma a troca de fechadura, mas garante que o imóvel pertence à dançarina: “Bombom teve o conhecimento da queixa, mas ela está tranquila e devidamente documentada. Existe um documento transferindo o imóvel para o nome dela, que foi assinado por ele na partilha de bens durante a separação. Bombom não pode invadir o que é já seu. Os advogados já estão cuidando disso”.

Leia também:  Show no Rio celebra obra de Tom Jobim nos 90 anos do maestro

Nesta segunda-feira, 14, o jornal “O Dia” publicou que Dudu Nobre foi à delegacia alegando que o imóvel está em seu nome e que não conseguiu abrir a porta porque a fechadura teria sido trocada por Adriana. “Além de tentar denegrir minha imagem, ele (Dudu) tentou esquivar-se de cumprir as obrigações assumidas no termo de partilha quando terminamos a sociedade pelo desfazimento da união estável, retardando o pagamento daquilo que me era devido. Sr. Dudu costuma dizer que teria me dado dois apartamentos. Não me ‘deu’ nada!”, teria declarado ela à publicação.

No início do ano, Dudu havia de fato transferido um imóvel para o nome da ex: “Quando me separei da Adriana fizemos um acordo em que ficou acertado que eu ficaria morando na casa em que vivemos e que daria o valor referente à metade do valor dessa casa para ela. Esse valor corresponde a três imóveis, mais um carro zero quilômetro, que inclusive foi apreendido por colecionar mais de 70 multas no DETRAN.

Leia também:  Scalene encara 'mundo' do Rock in Rio com competência e incredulidade

Um apartamento já está no nome dela; o outro, está comprado, mas ela não quer que eu passe para o nome dela porque não quer arcar com o pagamento do condomínio e do IPTU. O terceiro imóvel deveria ser no valor de R$ 500 mil, mas até agora ela não escolheu o apartamento”. Procurada pelo EGO, a assessoria do cantor preferiu não se pronunciar no momento.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.