O Centro Integrado de Cidadania e Segurança (CISC) registrou na tarde de segunda-feira (21/11), o óbito de Genivaldo do Carmo Castro (36),  funcionário de uma fazenda localizada na BR 163 KM 60, que foi soterrado.

Genivaldo trabalhava em um barracão no trabalho, quando foi soterrado por grãos de soja no local e quando foi socorrido já estava morto.

O corpo foi levado para o Instituto Médico Legal (IML) para providencias. A princípio o delegado Afonso dos Santos observa o fato como acidente de trabalho.

Advertisements
Leia também:  Ecopontos viram lixões e moradores reclamam do descaso no Sagrada Família

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.