Cerca de 39 municípios de Mato Grosso irão receber 41 academias de saúde do programa do Ministério da Saúde. A iniciativa do ministério com o desenvolvimento do programa é estimular a criação de espaços adequados para a prática de atividades físicas e lazer.

“As Academias da Saúde são mais do que espaços públicos de lazer: tratam-se de meios de acesso às práticas corporais pela maioria da população, com impacto direto na qualidade de vida e na saúde das pessoas”, ressalta o ministro da Saúde, Alexandre Padilha.

O chefe da pasta da saúde observa que a construção desses espaços é uma das estratégias do governo federal para a promoção da saúde, prevenção de enfermidades e redução de mortes prematuras por Doenças Crônicas Não Transmissíveis (DCNT)

Leia também:  Nova Mutum | Abril fecha com saldo negativo em geração de emprego

Um estudo de 2010 aponta que 16,4% dos brasileiros são sedentários e apenas 15% dos adultos são ativos na prática de exercício físico no tempo livre. A pesquisa mostra também que, nos períodos de lazer, 25,8% dos brasileiros passam três ou mais horas em frente à TV, durante cinco ou mais vezes por semana.

A Organização Mundial de Saúde – OMS recomenda a prática de 30 minutos de atividade física, durante cinco ou mais dias por semana. Outro indicador preocupante no estudo se refere ao sobrepeso e à obesidade. Dados mostram que 48% dos brasileiros estão acima do peso e, desses, 15% são obesos.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.