Jeferson Ferreira da  Silva, vulgo Bibi e o menor C.F.G.F foram presos a poucos instantes pela Polícia Militar, próximo a feira da Vila Aurora, acusados de pertencer a uma quadrilha que estaria praticando diversos crimes na cidade.

Bibi era procurado pela polícia e tinha contra ele acusações de homicídios e tentativas de homicídio, ainda segundo a polícia, Bibi seria o principal suspeito da morte do vendedor de passagens, morto em um dos guichês da rodoviária de Rondonópolis.

 

O Sargento Edmilson, que integra a Força Tática da PM, relatou que estavam em ronda pelas imediações da feira da Vila Aurora, quando suspeitaram dos dois rapazes, foi quando um dos suspeitos jogou um objeto no jardim de um prédio, após serem informados  por populares de que o objeto se tratava de uma arma, a guarnição do sargento, abordaram os dois e efetuaram a prisão conduzidos ambos para o Centro de Integrado de Segurança e Cidadania (Cisc).

Leia também:  Juíza destaca participação da sociedade em mutirão

Já no Cisc, algumas testemunhas identificaram os dois como os mesmos que teriam descartado a arma no jardim do prédio. Agora a Polícia Civil convocará vítimas dos suspeitos para que possa ser feita uma identificação que os liguem há outros crimes.

Além da arma, os policiais encontraram com os dois suspeitos R$ 492,25 centavos, que segundo a PM pode ser produto de roubo ou furto.

Um veículo gol branco que supostamente pertence ao menor, foi localizado em uma oficina de escapamentos e levado para o CISC para averiguação.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.