A Polícia Militar foi acionada na madrugada deste sábado (03/12) para atender uma vítima estupro no bairro Jardim Sumaré. O ex-namorado o autor da agressão.

A.G.G. (21) relatou no boletim de ocorrências que por volta das 2h R.M.S. (18) chegou na residência da vítima e pediu para manter relação sexual com a mesma, mas teve o pedido rejeitado. Com a resposta o rapaz se alterou e acusou a vítima de traí-lo, oportunidade em que a ex-namorada pediu para falar baixo para não acordar a filha de dois anos, fruto do relacionamento de A.G.G. com o acusado.

Em razão do tom da voz de R.M.S. os dois foram conversar na frente da casa da vítima, quando o rapaz disse que teria relação com A.G.G. a qualquer custo, começou a enforcá-la e a arrastou para o fundo da residência onde forçou a ex-namorada a ter relação sexual.

Leia também:  Delegada dá detalhes sobre caso da mãe e crianças mantidas em cárcere privado em Rondonópolis

Durante o ato R.M.S. disse que a mataria caso falasse para alguém ou a policia sobre o estupro. Depois que o rapaz foi embora A.G.G. acionou a Polícia Militar e os acompanhou até a casa do ex-namorado, que foi encaminhado para o Centro Integrado de Segurança e Cidadania (Cisc) e autuado em flagrante por estupro. A.G.G. foi levada para o Pronto Socorro.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.