Foto: Beto Barata / AGÊNCIA ESTADO

Logo após a posse do senador Jader Barbalho, seu filho de apenas 9 anos, Daniel Barbalho, mostrou a língua e fez diversas caretas para os jornalistas que cobriam a cerimônia. O parlamentar renunciou ao mandato em 2001 para escapar de um processo de cassação e só conseguiu tomar posse agora, que o Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu que ele tinha direito à vaga. Como Jader tomou posse antes do fim do ano, vai receber uma ajuda de custo no valor de R$ 26 mil, paga anualmente pela Casa. “Eu jamais havia enfrentado, após ACM, um adversário tão difícil”, declarou o peemedebista, que deixou de exercer 11 meses de mandato por ter sido barrado como ficha suja nas eleições do ano passado.

Leia também:  "DR" a sete chaves na Câmara Municipal
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.