Foto: Varlei Cordova/AGORAMT

A Polícia Militar aprendeu na tarde desta terça-feira (27) F.C.S. (28) e J.H.B. (24) acusados de assaltarem o Posto Lions ontem (26). O crime ocorreu quando o funcionário do estabelecimento se dirigia ao banco para efetuar um deposito no valor de R$ 2.200 e foi abordado pelos rapazes que estavam armados.

Consta no Boletim de Ocorrências que o motorista de uma motocicleta Biz, ao avistar a viatura policial que estava em ronda pela Avenida Fernando Corrêa da Costa, parou o veículo para o passageiro tentasse fugir do local.

Ao perceber a ação do rapaz foi abordado pelo policial que encontraram, durante a revistam, um revolver calibre 38 com quatro munições intactas e R$ 350. Diante dos fatos F.C.S. e J.H.B. foram encaminhados para o Centro Integrado de Segurança e Cidadania (CISC).

Leia também:  Tangará da Serra | Com ciúmes, marido mata amigo e dispara 6 tiros contra sua esposa

A vítima compareceu ao CISC e reconheceu F.C.S. como autor do assalto e foi autuado por porte ilegal de arma e roubo a estabelecimento comercial. Após o reconhecimento o suspeito “afirmou que iria voltar ao posto para matar todos os que lá estiverem”.

O caso será encaminhado para a Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (DERF), que será tratado como flagrante, pois o roubo ocorreu às 14h e prisão às 13h do dia seguinte, próximo ao Baratão Ferromar.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.