O caminhoneiro A.A.F.S. (36) quase foi alvejado em frente de sua casa por um suspeito ainda não identificado, mas os tiros acertaram o verdureiro L.V.C. (53), que passava de bicicleta pelo local, na noite deste domingo (18/12), às 19h45, no bairro Residencial Azaléia. L.V.C foi socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e encaminhado para o Hospital Regional.

De acordo com o Boletim de Ocorrência (BO) o caminhoneiro A.A.F.S. passava por uma outra rua quando viu que um Volkswagen Gol estava parado no meio da pista. O caminhoneiro precisava passar pelo local e pediu para o suspeito estacionar o carro no acostamento.

O acusado não gostou do questionamento e passou a xingar o caminhoneiro que em seguida saiu do local em alta velocidade e deixou para trás a testemunha N.J.S. (45) que conversava com o acusado.

Leia também:  Homem com passagens pela Polícia é baleado na Cidade Salmen

O caminhoneiro informou a Polícia Militar chegava em casa foi abordado pelo suspeito que sacou uma arma e começou a atirar. Os tiros não acertaram A.A.F.S., porém atingiu o verdureiro L.V.C.

A PM fez rondas pelo local para localizar o suspeito, mas ele não foi encontrado. A PM encontrou no local dos disparos três capsulas de arma calibre 32 deflagradas.

A PM perguntou para a testemunha N.J.S. se ele conhecia o suspeito de ter feito os disparos, mas ele não soube responder. A PM encaminhou a testemunha para o Centro Integrado de Segurança e Cidadania (Cisc) para prestar esclarecimentos.

O Cisc informou que ainda não se sabe sobre o estado de saúde do verdureiro, já que o laudo do Hospital ainda não foi enviado.

Leia também:  Denúncia leva a captura de dois reeducandos e mulher é presa pela Força Tática por dar apoio na fuga

 

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.