Moradores da Chácara São Rosalvo comemoram a construção do manilhamento na região, que resolverá os problemas de escoamento das águas pluviais, que destruiu parte das chácaras das famílias.

Telma Rezende, Engenheira da Construtora Lumen responsável pela obra no local, explicou que até o momento foram utilizados 2.800 toneladas de rachão de pedra e mais de 30 mil m³ de aterro, mas ainda falta um pequeno trecho a ser concluído.

O projeto prevê a construção de 1500m de manilhamento triplo de 1,5m, que direcionará a água acumulada com a chuva que desce da região do Jardim Atlântico e Residencial Farias diretamente no Rio Vermelho, sem causar estragos na região da Chácara São Rosalvo.

Leia também:  Hoje é o último dia para conferir a mostra de artes visuais “SimplesMentes”

O coordenador da Defesa Civil do Município, Messias Cardoso, afirmou que a obra irá beneficiar muito os moradores que sofrem constantemente com as destruições causadas pela chuva. “Quando chovia os moradores não dormiam, preocupados com o alagamento das casas ou até mesmo de ter a residência levada pela correnteza. Com o manilhamento as famílias não sofrerão mais com esse tipo de problema”.

Messias relatou que o prefeito José Carlos do Pátio conseguiu junto ao secretário de Estado das Cidades, Nico Baracat, mais R$ 2 milhões para ser aplicado na estruturação da região.

A presidente do bairro, Edna Regina Correia, afirmou que essa obra é a solução para um problema de 20 anos, que tem se intensificado nos últimos tempos. Edna disse que as chuvas mais recentes causaram muitos estragos e que acordou várias madrugadas tentando evitar a destruição que a chuva trazia. “Vamos dormir tranquilos com a conclusão do manilhamento”, afirmou a presidente do bairro.

Leia também:  Fogo na Aldeia | Após quase 10 dias Bombeiros anunciam fim de incêndio

Edna afirmou que construção da galeria é resultado do esforço dos moradores, dos deputados federais Wellington Fagundes e Valtenir Pereira, que garantiram emendas para a execução do projeto. Bem como a dedicação do coordenador da defesa civil e do secretário municipal do Meio Ambiente, Lindomar Alves. A presidente do bairro agradeceu também aos engenheiros e trabalhadores da construtora que sempre socorreram os moradores do bairro.

Mais de dois terços da obra já foram concluídos, a previsão da engenheira Telma Rezende é entrega a rede de escoamento até o final de janeiro, que ira beneficiar também moradores de outros bairros da região

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.