Foto: arquivo / AGORA MT

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apresentou nesta terça-feira (10/01) um balanço das ocorrências de combate à criminalidade realizadas no Estado durante o ano de 2.011. As apreensões de entorpecente e de madeira irregular apresentaram aumento de 112,5% e 146,3%, respectivamente.

No ano passado foram apreendidos pela PRF 2,55 toneladas de entorpecentes entre pasta base de cocaína, cocaína e derivados e maconha, além de 1.204 unidades de outros tipos de drogas. Em 2.010 a quantidade foi de 1,2 toneladas de entorpecentes. As 122 ocorrências relacionadas a entorpecentes resultaram em 143 prisões de pessoas.

No caso das madeiras irregulares as apreensões saltaram de 2.317m³ madeira e carvão vegetal em 2.010, para 5.581m³ de madeira e 123m³ de carvão vegetal no ano passado.

Leia também:  Casario é mais uma área contemplada com o projeto “Rondonópolis: eu amo, eu cuido”

Ainda relacionados aos crimes de meio ambiente, a PRF registrou a apreensão de 5.700 quilos de pescado irregular, 19 animais silvestres, 540 unidades de substâncias tóxicas transportadas irregularmente. As ocorrências de crime ambiental resultaram na prisão de 171 pessoas durante o ano.

Os resultados são atribuídos a participação da PRF na Operação Sentinela (combate à criminalidade nas fronteiras) e na Operação Defesa da Vida (combate aos crimes ambientais) contribuiu para esse crescimento. Em média, a PRF prendeu quatro pessoas por dia no ano, considerando os foragidos da justiça, os crimes de trânsito e os crimes diversos.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.