Foto: Varlei Cordova/AGORAMT

Dezenas de pessoas se concentraram na Praça Brasil, na manhã desde domingo (22/01) para pedir um basta para a violência contra os animais. O manifesto faz parte de uma mobilização nacional que pede leis mais rígidas em defesa dos animais.

Mara Rodrigues Oliveira, presidente da Associação Rondonopolitana de Proteção aos Animais Abandonados (A.R.P.A.A.), relatou que há 18 anos luta em defesa dos animais e costuma retirá-los da rua e os recolhe em casa até encontrar um lar.

A defensora dos animais ressalta que nos últimos tempos a população tem tomado coragem para denunciar as pessoas que maltratam os animais e fazem com que a lei seja aplicada, Mara relata que essa mobilização é a prova de mudança de comportamento.

Leia também:  Draft e Cerrado Fuzz apresentam Sr. Infame e Velhos Jovens no dia 22 no Draft American Pub

Mara comemora a aquisição de um terreno, por meio da prefeitura municipal, para construção de um abrigo para cuidar dos animais abandonados até que sejam entregues a um lar adotivo ou a natureza, no caso dos animais silvestres vítimas de acidentes nas rodovias.

A promotora Joana Maria Bortoni Ninis afirmou que infelizmente as leis para as pessoas que maltratam os animais ainda são muito brandas, mas percebe que a população não tem se conformado com essa situação e denunciado. Graças a essas denuncias a promotora tem colaborado, por meio de sanções punitivas e multas, para que as Organizações Não Governamentais – ONGs (ARPAA e Cantinho de Proteção Animal) consigam manter as atividades.

Leia também:  Prefeito de SP afirma que "Cracolândia" vai acabar antes do término de seu mandato

Dinis reforçou que aguarda apenas a criação do projeto para ajudar ainda mais a construção do abrigo, através das multas e materiais apreendidos pelo IBAMA.

O deputado federal Wellington Fagundes disse que é louvável esse tipo de manifestação e não poderia deixar de marcar presença e afirmou que todos os pais que desejam ter bons filhos, devem ensiná-los a amar e cuidar os animais, pois quando forem adultos serão pessoas mais respeitosas.

Mirna Mendonça, membro do Cantinho de Proteção Animal e uma das organizadoras do evento em Rondonópolis, afirmou que a manifestação atendeu as expectativas e espera que o resultado seja positivo em Brasília na alteração da lei, no início de fevereiro.

Leia também:  Igrejas celebram Corpus Christi com missas e procissões em Rondonópolis

Durante o evento foi recolhida a assinatura dos presentes, que será enviado para a capital federal requerendo punições mais rígidas para as pessoas que tratam os animais com crueldade. O livro com a assinatura das pessoas que se preocupam com a proteção dos animais ficará exposto na loja Pé de Pano Bordado, para que todos posam assiná-lo, de acordo com Mirna Rondonópolis precisa encaminha 1.500 assinaturas.

A mobilização contou com a exposição de cães e gatos vítimas de abandono e maus-tratos e foram todos adotados.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.