[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=m5J3VXMEeFY&feature=youtu.be[/youtube]

No duelo radical entre Brasil e Estados Unidos, melhor para Gilmar Flores, o Joaninha. Abusando dos Backflips (mortal para trás) e suas variações, o mato-grossense mostrou que se sente em casa no Rio e conquistou o hexacampeonato consecutivo da Copa Brasil de Motocross Estilo Livre, na Praia da Barra da Tijuca. O brasileiro não deu chances a Wiley Fullmer, que quase não entrou na pista por conta de problemas estomacais.

Tenho certeza que o Fullmer consegue andar muito melhor. Se ele estivesse 100%, iria dificultar mais meu título. Mas estou muito feliz com o hexa. Essa conquista vai para a galera de Sinop (MT) festejou Joaninha.

Cada um dos seis pilotos finalistas teve direito a duas voltas de 1m30s, com um supersalto no fim de cada apresentação valendo nota dobrada. O maior susto da disputa aconteceu logo com o segundo competidor a se apresentar: Jeff Campacci arriscou um Backflip no supersalto, mas, ao voltar para a rampa, bateu forte com a roda traseira e não conseguiu evitar a queda. O paulista de Campinas recebeu atendimento, mas logo se levantou para vibrar com o público, mostrando que estava bem.

Leia também:  Taques destaca que Estado faz gestão parceira dos municípios

Na disputa particular entre os favoritos ao título, Joaninha tratou de se garantir logo na primeira volta Com Backflips de tudo que é jeito, ele somou 332,5 pontos, a maior nota do fim de semana. Já Wiley Fullmer fez uma volta regular, somando 253 pontos e fechando a primeira bateria apenas em quarto lugar.

O fim da segunda volta de Joaninha foi prejudicado por um pneu furado e só restou ao brasileiro torcer para não ser superado pelo americano. Mesmo sem estar 100% fisicamente, Fullmer fez uma segunda volta melhor que a primeira e cravou 291,5. Nada que ameaçasse o hexacampeonato. Henrique Balestrin, o Zoio, completou o pódio, em terceiro, com 265 pontos.

Leia também:  Alto Araguaia | Exportação cai 11% no mês de julho

Lamento ter passado mal, queria ter dado um show melhor para o público. Ano que vem estarei de volta para ganhar do Joaninha  prometeu o americano.

Confira a classificação final da Copa Brasil de Motocross Estilo Livre:

1º) Gilmar Flores, Joaninha – 332,5
2º) Wiley Fullmer – 291,5
3º) Henrique Balestrin, Zoio – 265
4º) Fred Kyrillos – 257,5
5º) Marcelo Simões – 250
6º) Jeff Campacci – 207,5

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.