Depois da maratona para encontrar os presentes de Natal, começa uma nova etapa, a dos pais pela procura de melhor preço para a lista de materiais escolares. O consumidor deve estar preparado para colocar a mão no bolso, já que em papelarias de Rondonópolis os materiais básicos tiveram aumento de até 10% se comparado com o ano passado.

O dono de uma papelaria, Rafael Merlim, contou que o seu estabelecimento está com todas as listas de materiais das escolas particulares a disposição dos clientes e que desde dezembro tem tido procura pelas mercadorias. Rafael afirmou estar otimista com as vendas para este ano e para garantir o bom atendimento aumentou em 50% o quadro de funcionários.

Leia também:  Projeto Mais Esporte, Mais Cidadania vai beneficiar cerca de 1.200 alunos

“Depois de 15 de janeiro estamos esperando um movimento intenso o que necessita de mais pessoas para atender toda a demanda”, diz. Para economizar os pais devem ficar atentos, já que a diferença de preços é grande, principalmente entre os produtos de marca.

As mochilas de personagens de desenhos animados ou de times de futebol chegam a custar 100% a mais do que as tradicionais. Uma mochila da Barbie Princesa com rodinhas pode custar até R$ 282, outra mochila de rodinhas sem personagens, é vendida em média a R$ 80.

Uma caixa de lápis de cor com 12 unidades pode ser comprada por R$ 3,60, mas o mesmo produto só que de outra marca chega a custar R$ 14,99, uma diferença de mais de 300%. A cola que também faz parte da lista de materiais varia de R$ 0,55 até R$ 1,70.

Leia também:  Manutenção nesta quinta-feira (17) irá comprometer abastecimento de água em Rondonópolis

 

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.