Foto: Arquivo AGORA MT

Em visita ao AGORA MT, o presidente municipal do Partido dos Trabalhadores (PT), Mauro Campos, reafirmou que o projeto do partido é entrar na disputa pela prefeitura de Rondonópolis em 2012 e negou qualquer tipo de imposição do diretório estadual para apoiar uma possível candidatura a prefeito de Rondonópolis do deputado federal Carlos Bezerra (PMDB).

“O PT vem trabalhando a construção de uma candidatura própria a prefeito de Rondonópolis, temos hoje três pré-candidatos a prefeito, e para isso temos total liberdade para decidir o futuro do diretório municipal, (…) não tenho conhecimento de nenhum tipo de imposição do diretório regional, reconheço o peso politico tanto do deputado, como do secretário de Educação,  Ságuas de Moraes (PT), mas a decisão para onde o PT irá no processo eleitoral de 2012, é uma decisão exclusiva do diretório municipal”, pontou o petista.

Leia também:  Indea realiza encontro com produtores rurais de Cáceres e Porto Espiridião

Mauro analisa que o deputado federal Carlos Bezerra, não deve ir para a disputa, “Eu particularmente não acredito em uma candidatura a prefeito de Rondonópolis, do deputado Carlos Bezerra, nesta eleição de 2012”.

O presidente municipal da sigla, ainda revelou que o momento do PT é de total harmonia e não existem mais crises, “Não vivemos mais nenhum tipo de crise dentro do PT municipal, tudo isso ficou no passado, hoje sim temos harmonia, o que nós favorece muito na busca de um projeto alternativo para a cidade”.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.