Santa Casa de Rondonópolis - Foto: arquivo / AGORA MT

A Secretaria Municipal de Saúde, por meio da prefeitura municipal, notificou a Santa Casa de Misericórdia na última semana, pela falta de atendimento das gestantes na paralisação que ocorreu no início do mês por atraso no pagamento dos médicos.

O secretário de saúde, Valdecir Feltrin, explicou que a Santa Casa não poderia deixar de realizar o atendimento das gestantes, pois é referência e esta mais adequado no município para o atendimento das gestantes, principalmente para as mulheres amparadas pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

Feltrin argumentou que o problema estava na falta de pagamento do Estado, contudo os repasses federais estão em ordem o que não justificaria a suspensão nos atendimentos.

Leia também:  Estudos ambientais para criação do Parque da Seriema serão iniciados

A medida teve o objetivo de alertar a unidade para que seja garantido o atendimento às pacientes para que não venha ocorrer novamente.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.