A CooperFlora Brasil (Cooperativa de Reflorestamento e Bioenergia), com sede em Rondonópolis, realizou na tarde desta terça-feira, uma palestra sobre tributação incidente na comercialização de produtos por meio de uma cooperativa que visa fomentar o setor de floresta plantada (eucalipto) no Sul de Mato Grosso. O consultor especializado em tributação de sociedades cooperativas, José Aparecido Moreno, foi o palestrante responsável em demonstrar aos participantes a viabilização dessa operação.

Foto: Varlei Cordova/AGORAMT

O idealizador do projeto de fundação da cooperativa é o presidente da entidade, produtor agroflorestal Gilberto Goellner que durante a palestra apresentou o novo Estatuto da CooperFlora. Segundo o Gilberto através da gestão cooperativa será possível ter controle das florestas sustentáveis, para ordenar plantio e colheita, garantindo escala ininterrupta do produto durante o ano, de modo que poderá garantir o abastecimento das indústrias.

Leia também:  ProUni | Aprovados na primeira chamada têm até hoje para confirmar informações

De acordo com Gilberto os produtores com floresta plantada ou que ainda iniciarão na atividade terão acesso a informações e serviços como consultoria técnica, monitoramento do crescimento florestal, entre outros, que darão a orientação necessária ao produtor em busca de maior rentabilidade ao negócio.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.