Celso Correa (33), que tem como profissão motorista, sofreu tentativa de homicídio na noite deste domingo (05/01)  na Vila São Francisco.  A Polícia Militar foi comunicada de acordo com o registro feito no Centro Integrado de Segurança e Cidadania (CISC) que o suspeito de ter efetuado os disparos seria o metalúrgico e corretor de veículos, Alexandre Neves Padilha (22), que é conhecido o pelo apelido de “Xandão”.

A PM recebeu via denúncia feita junto ao CISC, que após um desentendimento de trânsito, Padilha passou a seguir um caminhão, dirigido por um homem conhecido como “Paulista” e Correa estava como passageiro junto com uma testemunha. Padilha subiu na traseira do caminhão e deu três tiros no veículo, o terceiro disparo, que foi na direção da cabine, atingiu Correa.

Leia também:  Família é trancada em quarto durante assalto no Jardim Mato Grosso

Padilha desceu do caminhão e fugiu em rumo ignorado. Consta no Boletim de Ocorrência, que a PM foi até a casa do metalúrgico e a mãe do suspeito disse que ele não esteve em casa desde o dia 03 deste mês, onde Padilha foi absolvido no júri popular sobre o homicídio que aconteceu em frente a uma casa de show no dia 04 de abril de 2010.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.