Término da 8ª Conferencia Municipal da Crianca e Adolescente. Foto: Varlei Cordova/AGORA MT

Os organizadores da 8ª Conferência Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente avaliaram como positiva a reunião que terminou nesta quarta-feira (15/02), as propostas colhidas no evento serão encaminhadas para a Conferência Estadual.

A presidente do Conselho Municipal da Criança e Adolescente, Rosalia Pereira Cesar Machado, disse que apesar das dificuldades a conferência teve um resultado excelente. “A conferência foi muito positiva, além da participação em massa dos conselheiros e de órgão relacionados a defesa das crianças e adolescentes, um número significativo de jovens participaram do evento e deram sugestões que vieram ao encontro do objetivo da reunião”.

Rosália argumentou que as propostas da conferência serão compiladas e farão parte de um relatório que servirá implantado como plano de estado, para garantir o avanço na defesa dos direitos das crianças e adolescentes.

Leia também:  Prefeitura garante pagamento à terceirizadas

Maristela Cizeski, educadora e representante nacional da Pastoral da Criança e Conselheira Nacional dos Direitos da Criança e Adolescente (Conanda), afirmou que a conferência teve resultado positivo e a discussão teve cunho político e vai garantir uma melhor estruturação na área relacionada a criança e adolescente. Maristela acredita que as propostas levantadas na conferência terão reflexos na Conferência Estadual.

As sugestões levantadas na conferência serão compiladas e apresentadas na Conferência Estadual que ocorrerá em abril, os delegados irão apresentar propostas no eixo do monitoramento, implementação e mobilização. Os levantamentos dos Estados serão abordados na Conferência Nacional que será realizada em julho deste ano.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.