Os rondonopolitanos que não comem carne vermelha, nos dias da quaresma, terão dificuldade de encontrar peixe de rios ou caipira, para consumir durante o período da tradição religiosa. A quaresma iniciou nesta quarta-feira (22/02) e segue até a Sexta-feira da Paixão, no 06 de abril.

O presidente da colônia de pescadores Z3, Antônio Saldanha Dantas (Heleno), afirmou que o estoque de peixes já acabou e será regularizado entre 10 e 15 dias após o término do período da piracema, onde é vedada a prática da pesca.

Heleno disse que durante a quaresma o consumo de peixe aumenta muito, principalmente na Semana Santa, mas que hoje existe problema na oferta e que os peixes encontrados no mercado são provenientes de tanques ou cativeiros.

Leia também:  Santa Casa de Rondonópolis volta a atender depois de 13 dias em greve

Para a Semana Santa, o pescador acredita que a população não terá problema com a falta do produto, pois as chuvas e o nível do rio indicam que as pescarias terão bons resultados e atenderá a demanda na Semana Santa.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.