O vereador Hélio Pichioni criticou durante a sessão da Câmara Municipal a falta de acessibilidade que os cidadãos estão encontrando para falar com o prefeito Zé Carlos do Pátio. Segundo Pichioni empresários, representantes da Polícia Militar e de Sindicatos não estão conseguindo marcar audiência com o prefeito.

“Isso é um absurdo, Pátio está dando ‘chá de cadeiras’ aos cidadãos. Todos precisam da intervenção da Câmara para que possam ser ouvidos”, fala. O vereador Olímpio Alves também subiu a tribuna para fazer a mesma reclamação.

“As pessoas tem ‘taxado’ o prefeito como incompetente, mas o que eu vejo é que ele tem conduzido de forma errado a relação com o público. Até mesmo eu como vereador encontro dificuldade para falar com Pátio”, diz. Enquanto falava Olímpio foi interrompido pelo vereador Adonias Fernandes que saiu em defesa de Pátio dizendo que até hoje ele é o prefeito que mais está entre a população.

Leia também:  Projeto repetido

O presidente da Câmara, Ananias Filho, aproveitou a deixa de Adonias e disse que é preciso usar dessa popularidade do prefeito para resolver os problemas da cidade, inclusive os buracos que estão por toda a cidade. “Tem buraco brigando, um empurra o outro para poder entrar no lugar”, conta.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.