A colheita da soja já chega a cerca de 10% em Rondonópolis, o que tem feito com que o frete voltasse a subir depois de um longo período de preço baixo. Há duas semanas que valor do frete vem subindo chegando à alta de 20%.

De acordo com o gerente de transporte, Carlos de Souza, o aumento se deve a ao crescimento da oferta de cargas. “As empresas precisam carregar e só consegue atingir a cota quem paga mais”, fala.

Em média, uma carga de Rondonópolis até o Porto de Santos está saindo por R$ 150 a tonelada, incluso pedágio. Um caminhão Bitrem carrega em torno de 37 toneladas, chegando ao total de R$ 5.550 a viagem.

Leia também:  Vândalos atacam o sistema de iluminação pública em Rondonópolis

Segundo o gerente a tendência é que o valor do frete continue subindo. “Amanhã o valor já deve estar mais alto. Quanto maior à distância até o destino da carga, mais se paga pelo frete”, diz.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.